BIOGRAFIA

002.png

O Latino-América Duo é um grupo que se dedica a música instrumental para dois violões através da fusão de diversos elementos e linguagens, apresentando músicas do repertório tradicional e popular do Brasil e América Latina. Seu trabalho propõe um passeio cultural pelas paisagens do continente latino-americano, através da milonga platina, do tango rio-platense, do choro carioca, da música nordestina e da música gaúcha, costurado por obras e arranjos inspirados na música clássica, popular e folclórica.

 

Formado pelos violonistas brasileiros Alexandre Simon e José Daniel, o Latino América iniciou suas atividades em 2009, realizando concertos e participando de diversos projetos na região sul. Atualmente, o Latino-América Duo está lançando seu álbum de estreia, produzido pela Organic Recording Studio. No repertório, arranjos inéditos para tangos, milongas, choros, canções e diversas composições de Astor Piazzolla, Jorge Cardoso, Paulinho Nogueira, Pixinguinha, Ernesto Nazareth, Abel Fleury, Marcelo Fortuna e Thiago Colombo. O disco conta ainda com a participação especial dos consagrados músicos Jucá de Leon (percussão), João Alexandre Straub Gomes (violão), Thiago Colombo (guitarrón) e do Mestre do Violão Pampeano, Lucio Yanel.

 

006.png
001.jpg

Foi nos corredores de um conservatório de música no sul do Brasil que nasceu o Latino-América Duo, quando ainda cursávamos o Bacharelado em Violão na Universidade Federal de Pelotas. No tradicional ambiente de conversas do “Café da Castelhana”, tivemos a ideia de experimentar uma milonga argentina a dois violões. Identificados com a música brasileira e da América Latina, iniciamos as atividades do duo em 2009, realizando algumas apresentações em espaços culturais da região sul do Brasil.  Em paralelo, participávamos de seminários e festivais de violão, visando aprimorar nossa formação musical. Em Montevidéu, tivemos um encontro com o violonista Gilson Antunes que, após ouvir nossa versão para Carinhoso de Pixinguinha, incentivou-nos a gravar um disco. A partir de então, procurando construir uma identidade artística, passamos a elaborar arranjos e a pesquisar obras para compor este projeto.

 

Posteriormente, fomos agraciados com o “Prêmio Concertos Didáticos” da FUNARTE e Ministério da Cultura o que os possibilitou a realização do projeto “Música Sem Fronteiras”, permitindo que levássemos a música instrumental para milhares de estudantes de diversas escolas públicas na fronteira do Brasil com o Uruguai. Agora, estamos lançando nosso álbum de estreia e desejamos compartilhar com todos nosso primeiro trabalho, formado por um repertório multicultural, pleno de histórias, desejos e sonhos. Ao ouvir este disco, esperamos que todos possam conhecer um pouco mais de nossa Latino-América através das cores, povos e sons que pulsam em nossos violões.

007.png
alexandre.png

ALEXANDRE

SIMON

 

Alexandre Souza Simon é bacharel em Música pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e Mestre em Performance Musical pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio).

 

Atuou como educador musical nas cidades de Rio Grande, Pelotas e Porto Alegre, onde trabalhou como professor de violão no Curso de Música do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS- Campus Porto Alegre). Realizou inúmeros concertos em diversos espaços culturais do Rio Grande do Sul, destacando-se os projetos “Violões do Sul”, “Musical Petropar” e “Concertos Didáticos” da Funarte, além de concertos no Canadá em 2012.

 

De 2012 a 2015, realizou uma especialização em música latino-americana com o célebre violonista Eduardo Isaac no Conservatório Luis Gianneo em Mar del Plata, na Argentina, onde formou o Cuarteto de Guitarras del Mercosur ao lado dos violonistas Juan Almada, Javier Buján e Marcos Maturro.  Com este trabalho, realizou diversos concertos pelo Brasil e Argentina e participou da coletânea discográfica Break Up! promovida pela Universidad Nacional de la Plata.

Jose Daniel - Creditos - Natalia Redü.jpg

 

JOSÉ

DANIEL

 

José Daniel Telles dos Santos é bacharel em Música pela UFPel e Mestre em Memória Social e Patrimônio Cultural pela mesma universidade, onde desenvolveu a pesquisa “Lucio Yanel e o Violão Pampeano: memórias, histórias e identidades de um fazer musical no sul do Brasil”.

 

Atua como violonista, pesquisador e educador musical desde 2001, tendo sido fundador e professor do Espaço Musical JD de 2006 a 2013, e professor do Instituto de Belas Artes da cidade de Rio Grande. É docente do curso de Licenciatura em Música da Universidade Federal do Pampa na cidade de Bagé (RS) onde coordena o projeto de extensão “Camerata Pampeana de Violões”.

 

Em parceria com o violonista Alexandre Simon, coordenou a realização do “I Festival Internacional de Violão do Mercosul”.  Atualmente, dedica-se a performance violonística e ao ensino coletivo do instrumento, além de desenvolver estudos sobre música e violão pampeano.

LANÇAMENTO

 

 

LATINO-AMÉRICA DUO

 

 

Capa-Atualizada-disco.jpg

PRINCIPAIS EVENTOS

Ao longo de sua formação, o Latino-América Duo tem realizado concertos e participado de diversos projetos culturais:

 

  • • Concerto no “Musical Petropar” do Teatro São Pedro em Porto Alegre;
  • • Concerto no Teatro Threze de Maio, em Santa Maria;
  • • Concerto no Museu da Baronesa em Pelotas, projeto “Fazendo Música no Museu”;
  • • Projeto “Música na Casa do Capitão” no Instituto João Simões Lopes Neto;
  • • Concerto no Instituto Municipal de Belas Artes de Bagé;
  • • Concerto no V Seminário Internacional em Memória e Patrimônio;
  • • Concerto no Fórum Internacional de Sustentabilidade da UFPel;
  • • Projeto Prata da Casa, no Teatro Municipal de Rio Grande;  
  • • Concerto dos “25 anos do Centro Municipal de Cultura de Rio Grande”;
  • • Concerto na 36ª Feira do Livro da Universidade Federal do Rio Grande;
  • • Gravação do programa MUSIURG, promovido pela TV FURG;
  • • Participação na Orquestra de Violões do “IV Festival Internacional de Guitarra de Uruguay” e do “I Festival Internacional de Música do SESC/RS”;
  • • Concertos Didáticos da FUNARTE e Ministério da Cultura - Projeto “Música Sem Fronteiras” em 12 escolas públicas da fronteira do Brasil com o Uruguai.